O Ouricuri é um retiro religioso secreto praticado pelo povo fulni-ô, realizado anualmente nos meses de setembro, outubro e novembro, na Aldeia-mãe, localizada em Águas Belas, em Pernambuco. Neste ritual, não é permitida a entrada de não-índios (mesmos os que têm qualquer tipo de parentesco com os Fulni-ô), pois é considerado pelos fulni-ô um espaço sagrado. Durante esse período, os membros da etnia se mudam para a outra aldeia, também chamada Ouricuri, distante cerca de seis quilômetros do local onde habitam, levando quase tudo que têm, incluindo animais de criação.

 

O que ocorre no Ouricuri é um mistério para os que não são da etnia. Nem mesmo as crianças revelam o que se passa no evento. Sabe-se que durante esse período os homens dormem em local reservado, o Juazeiro Sagrado, ao qual as mulheres não podem ter acesso. As rivalidades são esquecidas. As relações sexuais e a ingestão de bebidas alcóolicas são rigorosamente proibidas.

 

Com informações de Avani Florentino Fulni-ô